Salvador

Festiva e receptiva, a capital baiana contagia as ruas e avenidas com sua riqueza histórica e a alegria de viver de seu povo

Capital da Alegria, Roma Negra, Trio Elétrico, Carnaval, Praias, Comida Bahiana e Acarajé, Cidade Histórica, Pelourinho, Axé, Senhor do Bonfim, Religiões Afro-brasileiras

Potência econômica, cultural e turística no Brasil e principalmente no nordeste, Salvador merece pelo menos uma visita de qualquer viajante que se preze. Festiva e receptiva, a capital baiana tem a riqueza histórica correndo com força em suas veias e a alegria de viver de seu povo contagia incessantemente o ar de praias, ruas e avenidas desta que foi a primeira capital do país.

O Pelourinho é o ponto no qual a brasilidade se manifesta com grande intensidade. Ao longo de suas ilustres ruas e ladeiras, o bairro conserva cerca de 800 construções dos séculos XVII e XVII, que o enchem de cor, estilo e carisma, onde hoje estão museus, lojas e muito mais. Manifestações de dança e música sempre recheiam as vias de vida, sendo que a capoeira e os tambores do Olodum nunca deixam de dar o ar da graça.

O bairro também está repleto de lindas igrejas de estilo barroco, como a de São Francisco e a de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. O interior das obras fascina, seja pelo detalhismo ou pelo brilho do ouro, amplamente utilizado na primeira, especialmente.

Uma das melhores formas de contemplar a baía de Todos-os-Santos e apreciar suas ondas banhando Salvador é pegar carona no Elevador Lacerda. Ligando as cidades Alta e Baixa, a estrutura oferece uma vista panorâmica imperdível. Na Cidade Baixa, não deixe de visitar o Mercado Modelo, para apreciar um artesanato de qualidade, a Igreja Nosso Senhor do Bonfim, famosa por suas fitinhas, e fazer um passeio de escuna pela baía, para sentir o poder calmante de uma brisa no rosto e de uma paisagem sensacional.

Servida de cerca de 50 quilômetros de costa, a capital também impressiona pela beleza de suas praias. A da Barra, com o clássico Farol ao fundo deixando o visual ainda mais estonteante, a do Buracão, Stella Maris, Flamengo e Itapuã sempre atraem gente em busca de um refrescante mergulho, caminhada ou momentos de relaxamento.

Para quem quer dar uma esticada a outras cidades, a Praia do Forte (90km) é famosa por suas piscinas naturais e por abrigar a primeira sede do Projeto Tamar. No local, é possível ver de perto e até alimentar tartarugas que habitam o nosso litoral. Um pouco mais longe (292km) está a ilha de Itaparica, conhecida por suas areias paradisíacas.

Nunca deixe Salvador sem experimentar o emblemático acarajé. A iguaria, que tem a cara da Bahia, pode ser encontrada por toda a capital, seja em tabuleiros, barracas, bares ou restaurantes. Pratos com peixes e frutos do mar são outra pedida infalível, assim como o bobó de camarão, o vatapá e o caruru.

Entre os bairros mais indicados para fazer as refeições e para curtir a noite estão o Pelourinho, Pituba e Rio Vermelho.

Na hora de escolher o hotel, dê preferência aos bairros de Rio Vermelho, Santo Antônio Além do Carmo e Pelourinho. Para o transporte, o ônibus é uma boa opção, mas não se esqueça de deixar o dinheiro do táxi reservado.

Como estamos no Brasil, vale lembrar que sempre precisamos ficar atentos a furtos, roubos e assaltos. Nunca desligue o sinal de alerta, mas não deixe de aproveitar a viagem!

AMelhorViagem.com - 2012~2015 Todos os Direitos Reservados