8 belos jardins ao redor do mundo para conhecer

Seja para descobrir espécies raras ou apenas apreciar a incrível paisagem que esses locais oferecem, vale a pena se aventurar por aí

Dicas Postado em

Feitos para serem admirados por suas belas flores e plantas - além de servirem como alerta de preservação e estudo de diversas espécies que um dia podem estar em extinção -, os jardins podem ser uma verdadeira obra de arte.

Confira abaixo 8 jardins para você conhecer ao redor do mundo:

Rikugien (Tóquio, Japão)

Localizado no norte de Tóquio, esse é considerado um dos melhores jardins do período Edo (1603-1867). Os redutos do parque foram nomeados com base em locais famosos do país, além de serem inspirados por referências históricas.

Jardim Botânico Tropical Nong Nooch (Chonburi, Tailândia)

Diversas esculturas compõem o belo cenário deste jardim. Entre elas estão formas de animais e até a Stonehenge, recriação das históricas rochas que fazem parte das Sete Maravilhas do Mundo Medieval. Ao todo, o local possui mais de 300 espécies de cactos e mil variedades de palmeiras de todo o mundo.

Jardins Květná e Podzámecká (Kroměříž, República Tcheca)

Considerados pela UNESCO um exemplo completo e bem preservado do barroco europeu, o jardinm é composto por estufas históricas e labirinto de muros verdes. São 64 hectares com lagos, pequenos edifícios românticos e 200 espécies raras de árvores.

Jardins de Butchart (Colúmbia Britânica, Canadá)

Construído em 1920 por Jennie Butchart e o marido, Robert Pim Butchart, o jardim possui 22 hectares e cerca de um milhão de visitantes anuais. A casa já foi atração turística com pista de boliche, piscina interna salgada e sala de bilhar. Atualmente, além de um restaurante, o local dispõe de alguns cômodos para entretenimento.

Las Pozas (San Luis Potosí, México)

Considerado selvagem, o lugar abriga colunas, castelos, casas por terminar, portas deslocadas e escadas que não levam a lugar algum, além de uma vegetação típica que contribui para a composição do cenário de influência gótica e egípcia.

Keukenhof (Lisse, Holanda)

O parque, que fica aberto apenas dois meses por ano, recebe cerca de 800 mil pessoas interessadas em seus 32 hectares com mais de 500 fornecedores de flores. Anualmente, o local é redesenhado para apresentar as últimas tendências de jardinagem.

Jardins do Palácio de Versalhes (Versalhes, França)

Ao longo de 40 anos os icônicos jardins do Palácio de Versalhes foram ganhando forma e traços que garantiram fama e destaque. Encomendado pelo rei Luís XIV em 1661, ele era considerado tão importante quanto o palácio. O belo design projetado há séculos foi mantido até hoje.

Instituto Inhotim (Brumadinho, MG)

Além de ser considerado o maior museu a céu aberto do mundo, ele também é um jardim botânico diferenciado, pois apresenta uma flora em arranjo paisagístico e jardins temáticos. No local, existem 700 obras expostas e cerca de 5 mil espécies tropicais nativas e exóticas.

Foto: Divulgação

Não se esqueça de deixar o seu comentário abaixo.


AMelhorViagem.com - 2012~2015 Todos os Direitos Reservados